jun 112016
 

Fuga de Sobibor (Escape from Sobibor) – 1987

Sobibor foi um campo de extermínio alemão, localizado na Polônia ocupada por Alemanha nazi, que foi parte da Operação Reinhard, no Holocausto. Judeus, prisioneiros de guerra soviéticos e possivelmente ciganos, foram transportados para Sobibor de comboio e sufocados em câmaras de gás alimentadas pelo escapamento de um motor a diesel. Cerca de 260.000 pessoas foram assassinadas em Sobibor pelos alemães.

Também foi o local da única revolta bem sucedida de prisioneiros de um campo alemão. Em 14 de Outubro de 1943, membros da revolta conseguiram matar secretamente 11 dos guardas da SS e alguns guardas ucranianos também. Apesar do plano ter sido matar todos os guardas alemães da SS e sair pela porta principal do campo, as mortes foram descobertas e os prisioneiros tiveram de correr pelas suas vidas em todas as direções. Dos cerca de 600 prisioneiros do campo, usados como escravos, cerca de 300 conseguiram fugir.

A maior parte deles foi cercada e assassinada nos dias subsequentes, mas cerca de 50 prisioneiros conseguiram sobreviver à II Guerra Mundial. Esta fuga forçou os alemães a fechar o campo. Eles desmantelaram-no e plantaram uma floresta no local para tentar esconder o que se tinha passado ali.

A revolta foi dramatizada em 1987 pelo telefilme “Fuga de Sobibor,” baseado no livro do mesmo nome escrito por Richard Raschke, publicado em 2011 no Brasil pela editora Universo, retratando, através de testemunhos e documentos, a realidade do campo e a mais bem sucedida revolta ocorrida em um campo de extermínio alemão.
(wiki)

Sinopse:
Baseado em fatos reais, narrados no livro de Richard Rashke, ex-prisioneiro do campo, Fuga de Sobibor conta a aguerrida fuga de prisioneiros de um campo de concentração nazista durante a Segunda Guerra Mundial. Sobibor é um dos três campos de concentração localizado na Polônia oriental. Um grupo de prisioneiros é temporariamente poupado para poder trabalhar no acampamento, sob condições degradantes impostas pelos oficiais nazistas. Relembrando o destino desumano de cada dia, os prisioneiros planejam o impossível – fugir de Sobibor! Uma história que verdadeiramente reflete a força, a coragem e a resistência do espírito humano.

Escape From Sobibor 1987 (Cover + Legendas PT_BR + URL Magnetic)

Elenco

Alan Arkin – Leon Feldhendler
Eli Nathenson – Moses Szmajzner
Emil Wolk – Samuel
Eric P. Caspar – Capt. Franz Reichleitner
Hartmut Becker – Sgt. Gustav Wagner
Henning Gissel – Sgt. Fallaster
Hugo Bower – Sgt. Beckmann
Jack Shepherd – Itzhak Lichtman
Jason Norman – Thomas ‘Toivi’ Blatt
Joanna Pacula – Luka
Klaus Grünberg – Sgt. Bauer
Kurt Raab – Sgt. Frenzel
Linal Haft – Oberkapo Porchek
Robert Gwilym- Chaim Engel
Rutger Hauer- Alexander ‘Sasha’ Pechersky
Simon Gregor – Stanislaw ‘Shlomo’ Szmajzner
Wolfgang Bathke – Sgt. Hurst

IMDB: 7,5

Título Original: Escape from Sobibor
País de Origem: Reino Unido
Gênero: Drama, Guerra, Thriller
Duração: 143 Minutos
Ano de Lançamento: 1987


TRAILER


ON LINE DUBLADO

42
Escape From Sobibor.1987
Escape From Sobibor.1987
Escape.From_.Sobibor.1987.zip
119.8 KB
42 Downloads
Details

  5 Comentários para “Escape from Sobibor – 1987”

  1. Relembra o destino desumano de cada dia, como prisioneiros planejando o impossível – fugir de Sobibor!

     
  2. A revolta de Sobibor, exibida no filme “Fuga de Sobibor”, com os atores Alan Arkin, Rutger Hauer e Joanna Pacula, ocorreu em 1943. Liderados por Leon Feldhendler, prisioneiros criaram a Organização, mas, por falta de experiência militar, não agiam, até que chegou ao campo o prisioneiro soviético Alexander ‘Sasha’ Pechersky, também judeu (So­bibor era um campo para matar judeus). Aos poucos, depois de alguma hesitação, judeus poloneses e soviéticos se uniram, mataram vários nazistas e escaparam. Depois da fuga, Sasha e alguns judeus poloneses se uniram aos soviéticos e lutaram contra os alemães. Outros aliaram-se às forças polonesas. Richard Rashke, no livro “Fuga de Sobibor” (8Inverso, 365 páginas, tradução de Felipe Cit­tolin Abal), assinala: “É um fato pouco conhecido que mil judeus lutaram com o E­xército Nacional [polonês], mesmo que o AK não tivesse levantado um revólver para ajudar os judeus de Varsóvia quando eles lutaram contra as forças do general Stroop na primavera de 1943. A maioria dos judeus era membro das unidades partisans comunistas. Alguns poucos se juntaram ao Exército Nacional, se passando por cristãos”.

    fonte – clique aqui

     
  3. Este filme é baseado em fatos reais e retrata como era a vida dos judeus nos campos de concentração. Mulheres e crianças eram encaminhadas para “o banho de desinfecção”, que na verdade era um local em que elas eram assassinadas. Quem desobedecesse as ordens, era morto. Os judeus eram submetidos a terríveis situações, tinham trabalhos pesados, eram humilhados e ainda tinham que aprender a lidar com a perda de amigos e familiares. Insatisfeitos e cansados com essa situação, os judeus resolvem se rebelar e planejam uma fuga. Armando vários planos e estratégias, eles conseguem matar alguns dos comandantes nazistas e conseguem fugir, embora muitos judeus tenham sido mortos durante a fuga. É um filme que consegue retratar de uma forma impressionante o horror que aqueles seres humanos viviam, a dor, a angústia, a tragédia e mesmo assim não desistiam de lutar pela vida.

     
  4. Este filme é uma recriação histórica da fuga do campo de extermínio nazista de Sobibor, onde cerca de 250 mil judeus foram executados, quase todos que escaparam foram recapturados, apenas cerca de 60 pessoas sobreviveram.

     
  5. Excelente filme !!!
    Espero as gerações posteriores tomem esse exemplo e entendam que a morte lutando pela liberdade própria.

     
error: Content is protected !!